sábado, 22 de novembro de 2008

a.a.f ;

Sentados na sala assistindo tv. Já era tarde da noite. A luz das imagens que passavam na televisão iluminava o rosto dos dois. Eles estavam abraçados como se o mundo fosse acabar no dia seguinte. A tv ainda estava ligada, mas o som em suas mentes era outro.

"Quem ama não trai. Mas quem ama perdoa. Vai entender... quem falou isso não deve ter passado por muitas experiências.
Ah...eu o amo tanto! Se ele não tivesse feito tudo aquilo eu teria ficado na minha, e estaríamos tranquilos agora. Mas já faz tanto tempo, que... acho que deveria parar de me preocupar com essa besteira. Nós erramos e sabemos que..."

-Pipoca?
Ele ofereceu.
-Não, obrigada.

"Será que ela parou mesmo com isso? tudo bem que eu fiz besteira, mas quando a história é com a gente a coisa toda muda. Eu durmo todos os dias pensando se ela realmente fala a verdade pra mim. Mas agora eu sei como ela se sentiu quando eu fiz isso. Acho que até..."

"e sabemos que somos perfeitos um para o outro! mesmo com todos esses defeitos. Isso mesmo, vou parar de pensar nesse assunto. Já é passado, e agora nós temos um futuro pela frente. Um futuro que eu não trocarei por nada nem ninguém. Hunf...nunca mais vou cometer aquele erro. É estranho falar 'erro'. Se não fosse esse 'erro' não sei se daria tanto valor pra essa pessoa que está do meu lado agora.
Amor, você é lindo -
pensou olhando para seu rosto levemente iluminado pela luz da tv - e, eu te amo..."

Sentiu uma vontade enorme de sumir com ele desse mundo. Seu coração ficou apertado. Acariciou o cabelo dele com carinho.

"até podemos tirar uma lição disso tudo. Agora eu sei o que devo e não devo fazer. E sei muito bem o que pode acontecer se eu fizer. Pensando bem, que bom que tudo isso aconteceu, agora eu te amo mais do que nunca. -
sentiu a mão dela em seus cabelos e fechou os olhos - aiai, eu te amo tanto... nunca mais faça isso comigo ok? Nós temos um futuro agora. Não vou estragar ele, e espero que você pense o mesmo..."

Sentiu uma vontade enorme de sumir com ela desse mundo. Seu coração ficou apertado. Por 3 segundos conseguiu ver o resto da sua vida ao lado dela.

- Vamos pra cama? Já está tarde...
Ele Sugeriu.
- Claro...
Ela respondeu, desligando a tv.

Foram abraçados até a porta do quarto. Ela se deitou, e ele fechou a porta, que fez um leve barulho.
Amanhã é um novo dia.

Quem ama perdoa? A resposta varia pra cada pessoa.
Eles escolheram amar um ao outro acima de qualquer coisa.

Pra sempre.



Feliz 2 anos e 8 meses. (20/11/08)

eu te amo.



32 comentários:

Max Psycho disse...

esta história de quam ama não trai eu tenho duvidas, pois quem ama tem que satisfazer também né? Bjus gata e parabéns pelo texto, ja estava com saudades de vc

Jefferson Lucas disse...

Adoro ler seus textos-contos, to fazendo um conto, faço deste uma inspiração. bj

Amargo Caramelo's disse...

Ouuuuuuuuuuuuun *-*
que boniiito. :D
Concordo que varia de pessoa pra pessoa, pois ás vezes o orgulho fala mais alto...
;*

Giovanni O.U.C.! disse...

Quem ama somente ama
e isso basta!
Obrigado pelos elogios (=

Yaas disse...

Quem ama perdoa.
Por que se não não seria amor.
Amei o texto.
Beijos

Thiago... disse...

Caraca, gostei bastante do texto... E realmente, quem ama não trái, mas se não é amor, o que os que 'traem' sentem?' *pulga atrás da orelha.

xD
beijos, saudades ..

Milla disse...

OOhhh! feliz 2 anos e 8 meses!! ^^
Mto bom seu texto, ótima descrição!...
E a verdade é que quem ama perdoa mesmo... Estou vivendo exatamente essa situação...

Bjss!!!

Bill Falcão disse...

Creio que sim, e a conclusão deles parece ser a mesma, apesar das dúvidas...
Bjooooooooooo!!!!!!!!!

Natália disse...

Quem ama perdoa, sim! O que dificultam as coisas é mais o diabinho do ombro e os comentários infelizes externos do que o próprio ato em si. Afinal, todo mundo erra né?

O melhor mesmo é esquecer o resto do mundo, e acreditar sempre o amor.

Junkie careta disse...

Errar é humano. Perdoar é divino.Alguém já disse isso.

O único problema é que às vezes não se tem preparo pra conviver com as consequências: desconfiança,medo. Espero que o perdão tenha vindo do coração.

Quando tiver um tempinho, apareça no Spleen rosa-chumbo.Nesse último post, eu falo dos limites entre o real e o imaginário no mundo virtual, falo sobre sentir-se íntimo de alguém pelo que ela escreve,especialmente aqui na blogesfera.

Acho que vc vai gostar.

Grande abraço

disse...

.espeero que no meu caso eu seja perdoada, pq perdoar eu ja perdoei!
se houver perder é sinalq ue ainda existe amor!
beijos flor

.Dazinha. disse...

Quem ama, perdoa. Não quer dizer, que quem ama, consiga passar por cima de certas coisas e ficar junto.
Não posso dizer com toda certeza, mas dificilmente conseguiria ficar com alguem que tenha me traído, não pela traição em sí, mas porque não conseguiria confiar novamente, e ia sofrer com medo do " e se acontecer de novo?".
É complicado.
Conheço gente que passou por cima, e hoje ta aí, feliz da vida!

:)


Beijao flor

Sammyra Santana disse...

Ese negócio de trair é tão relativo... pq muitas vezes traímos até em pensamento, traímos quando nãos estamso inteiros na relação, traímos quando escondemos alguma coisinha dentro de nós...

Quem ama deve perdoar, mas quem trai, não deve persistir! Pq pra erros tão remanescentes, nãod eve haver perdão! hunf! rs

Beijooo

Aquela tal de brito disse...

é muito bonito perdoar
pena que nem sempre eu consigo ;(
compartilho da ideia 'quem ama não trai'
mas todo mundo tem sua propria maneira de pensar.
sempre escrevendo super bem ;)
beijos;*

Andréia disse...

perdoar nem sempre é fácil + quem ama faz um esforço

றιką Rocha disse...

Volteii !!!

Nossa q texto Liindo adoreei,como sempre adoro todoos,Vc sempre com suuas belíssimas palavras...

Boa Noite
Bjoos*

Mika

Robs disse...

Adorei o texto, mto bom mesmo...mas eu sou adepta ao: "Quem ama não trai", e nao é pela questão de satisfazer cm citou o Max, mas sim pelo respeito com a outra pessoa.

Se vc ama, vc respeita e consequentemente nao trai...

Bjos!

Mary West disse...

Achu que todo mundo merece uma segunda chance.

Monique Lôbo disse...

Acho que sim, se ainda existir amor nas duas partes, porque não??
Adorei o post, que história linda, e é sempre melhor escolher o amor a qualquer outra coisa!!
Tiffany eu criei um blog novo,depois da uma passadinha lá!
Bjão

Sarinha disse...

Ah.. nem seii! Talvez o amor é mais q a traição.. mas nada como o outro dia!
bjus

milena shoji. disse...

adoro seus textos!
continue sempre escrevendo *-*
beijos.

meus instantes e momentos disse...

...se escolheram.
Tenha um belo final de semana.
maurizio

Sam disse...

É de pessoa para pessoa mesmo. Nem todos tem um coração tão grande pra perdoar deste modo.

Beijos
E obrigada pelo comentário lá no Idéias! Volte sempre ^^

Giovanni O.U.C.! disse...

abandonou o blog MESMO!
SAJJSAOIJSAIJSA
(=

AcidStorm disse...

Realmente varia ;)
Mas eu acho que perdoa sim ^^

Grata Pela Visitinha

Grande Beijo

Bill Falcão disse...

Passei aqui pra ouvir "Blackbird" mais uma vez hehehe!!!
Obra-prima!
Bjoooooooo!!!!!!

... disse...

Muito legal a ideia do seu texto... Concordo com tudo que voce comentou la no texto sobre a felicidade... =)
Bj

Varda disse...

Começo do texto,lembrou uma música..

Vc mudou de novo a vor do cabelo?
x]

Desculpa demorar a responder,final de ano é sempre uma loucura
=/
;*

Varda disse...

Parabéns p/ vcs...

Pintou o cabelo de novo??

Desculpa ter desaparecido,fim de ano é uma loucura!!
=D

;*

→ Thiago. disse...

http://colunadothiago.blogspot.com/
;)

D.Ramírez disse...

Muito legal esse texto tbm.
Adorei seu visu, sério mesmo, linda demais 9com todo respeito) acho q vou criar uma personagem baseada em ti..rs Visual claro, se me permite ;)
Besitos

Issa Paz disse...

Seus textos são fabulosos! Tenho que adimitir! Seu blog tá show de bola!

Parabéns!

Passa lá no meu mais tarde

http://issapaz.blogspot.com/